Proença-a-Nova: Vale da Ursa inaugurou Alojamento Local na antiga escola

 Proença-a-Nova: Vale da Ursa inaugurou Alojamento Local na antiga escola

Reconverter as antigas escolas primárias em alojamentos locais é um dos objetivos da autarquia de Proença-a-Nova. Prova disso é o alojamento local inaugurando na localidade do Vale da Ursa.

A inauguração foi um dos eventos principais do dia do município celebrado no passado dia 13 de Junho.

As obras orçamentadas em 90 mil euros, e realizadas por administração direta, criaram dois apartamentos com sala, quarto, cozinha, wc e varanda.

Este é um projeto que para antigos alunos e professores faz recordar boas memórias.

Andei nesta escola numa altura em que havia mais alunos, tínhamos alunos nas duas salas de aula e é muito bom ver o espaço da minha escola primária recuperado e que vai trazer pessoas para o Vale da Ursa.

afirmou a antiga aluna Cláudia Henriques

Por sua vez a professora Olga Santos salientou a felicidade “ascendente” que viveu na Escola Primária do Vale da Ursa.

Quando cheguei ainda funcionavam as duas salas eu tinha o 1º e 2º ano. No ano seguinte já só havia alunos para uma sala e fiquei com os 4 anos. Depois de um interregno para dar apoio ao insucesso escolar, e como esta escola me tinha marcado, tratei logo de serem eles os primeiros a vir a beneficiar do apoio prestado.

salientou a professora Olga

Já João Lobo, presidente da autarquia proencense, salientou que o problema da falta de pessoas nestes territórios “é também uma resposta que esta obra dá relativamente àquilo que é a capacidade de atratividade ou seja aquilo que nós queremos que ela construa para o futuro próximo. Trazer gente ao vale da Ursa, ser um veiculo de promoção do concelho e da localidade.”

Além da escola do Vale da Ursa, a Câmara vai intervencionar também as escolas do Vergão, das Corgas e das Fórneas de forma a “ter uma rede de oferta quer para a questão do turismo quer para os nómadas digitais.” Mas João Lobo acrescentou ainda o pilar das Residências de Vida Ativa aos dois já mencionadas anteriormente.

Aqueles que muitas vezes já não têm condição de se tratar e estão com alguma dependência podem também utilizar infraestruturas como esta e o apoio domiciliário do ponto de vista da economia social ser aqui administrado.

revelou o autarca

Aos habitantes do Vale da Ursa só lhes é pedido “que a associação seja aberta com mais amiudadas vezes e isto seja também naqueles que nos visitam pontos de venda relativamente ao trabalho e artesanato que se pode realizar” reforçou João Lobo.

Salientar que a escola do Vale da Ursa já se encontrava encerrada desde o ano letivo de 1997/1998, altura em que contava apenas com três alunos.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter