GNR/Cernache: Filomena Bernardo teme “o princípio do fim”

 GNR/Cernache: Filomena Bernardo teme “o princípio do fim”

Foto: mediotejo.net

Foi em comunicado, enviado ao Jornal de Proença, que a presidente da União de Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais, Filomena Bernardo, se mostrou preocupada com o encerramento temporário do Posto da GNR na vila de Cernache do Bonjardim.

Foi com indignação e preocupação que recebi a notícia que o Posto da GNR em Cernache do Bonjardim está encerrado temporariamente durante o estado de emergência. O que provisoriamente não me deixa nada tranquila.

começa por referir Filomena Bernardo

Recordar que de acordo com uma notícia já avançada pelo nosso jornal (ver aqui), a GNR suspendeu temporariamente o funcionamento de 10 postos de atendimento reduzido no distrito de Castelo Branco devido à situação “excecional que o país atravessa”. Um deles é o posto de Cernache do Bonjardim no concelho da Sertã.

Ainda no comunicado enviado, a autarca afirma já ter entrado em contacto com Coronel Albino Tavares, Comandante do Distrito de Castelo Branco, que além de confirmar o fecho provisoriamente “explicou-me  os motivos que dada a pandemia que vivemos neste momento, são mais que justificáveis.” Apesar de tudo Filomena Bernardo mostra-se indignada por “a União de Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais não ter sido perdida nem achada na tomada desta posição.”

A pandemia não pode nem deve ser desculpa para tudo.  E temo seriamente que isto seja o princípio do fim.

refere

Na mesma nota Filomena Bernardo afirma estar “atenta a este encerramento temporário”. A autarca promete ainda lutar “até ao fim para que mais nenhum serviço encerre em Cernache do Bonjardim .”

Já em declarações à Rádio Condestável o coronel Albino Tavares, garantiu que “o foco que temos, não é encerrar, muito pelo contrário, é aumentar o efetivo”. Albino Tavares garantiu ainda à mesma rádio que “logo que se considere que a situação esteja estabilizada, o serviço será reposto”.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter