Falta de médicos: Presidente espera ter solução até ao final do mês

Falta de médicos: Presidente espera ter solução até ao final do mês

O executivo camarário de Proença-a-Nova esteve reunido em reunião pública no passado dia 19 de Outubro. Um dos pontos abordados por João Lobo, no período antes da ordem do dia, foi exactamente a falta de médicos no concelho de Proença-a-Nova.
O autarca começou por explicar a baixa de duas médicas devido a sua aposentação e confirmou que “foi aberto um concurso atempado para suprir de facto estes dois lugares”. Lugares que não foram preenchidos.
O Presidente da Câmara que garantiu ainda que os utentes das extensões de saúde de São Pedro e Peral apesar de terem ficado sem médico de família “não ficaram sem assistência médica” diz que a Câmara está em conjunto com a ULS à procura de “uma solução rápida” e que espera “até ao final deste mês de Outubro ter uma solução”.
No caso de ser necessário o autarca afirma mesmo que “a Câmara fará um esforço no sentido de contratar, com uma empresa que preste serviços de saúde, médicos para suprir neste período de tempo, enquanto não encontrarmos uma solução definitiva a esta situação”.

Para si... Sugerimos também...

Subscreva a nossa newsletter