Covid-19: Escolas fecham durante 15 dias

 Covid-19: Escolas fecham durante 15 dias

An empty classroom is seen at the University of Campinas (UniCamp) after the classes were suspended due to the coronavirus outbreak in Campinas, Sao Paulo state, Brazil, March 13, 2020. REUTERS/Amanda Perobelli

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou hoje o encerramento das escolas de todos os níveis de ensino durante 15 dias para tentar travar os contágios pelo novo coronavírus.

O primeiro-ministro anunciou a medida, que entra em vigor amanhã, sexta-feira, após uma reunião do Conselho de Ministros e referiu que se justifica por um “princípio de precaução” por causa do aumento do número de casos da variante mais contagiosa do SARS-CoV-2, que cresceram de cerca de 08% de prevalência na semana passada para cerca de 20% atualmente.

António Costa afirmou que os 15 dias de interrupção serão compensados noutro período de férias e garantiu que haverá medidas de apoio às famílias semelhantes às que vigoraram durante o primeiro confinamento de 2020, como faltas justificadas para as pessoas que tenham filhos com menos de 12 anos e não estejam em teletrabalho.

“Para proteção da comunidade escolar, é importante interromper as atividades. Essa interrupção tem custos. Em vez de se interromper a atividade presencial, há mesmo uma interrupção da atividade letiva, que será compensada pelo encurtamento ou eliminação de outros períodos de interrupção que estavam previstos”

afirmou António Costa

Em comunicado partilhado no facebook, o Agrupamento de Escolas de Proença-a-Nova solicita “atenção frequente à nossa página de facebook e página oficial do Agrupamento onde vamos colocando informações sempre que necessário”.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter