Proença-a-Nova: Concelho conta três praias de “Qualidade de Ouro”

Proença-a-Nova: Concelho conta três praias de “Qualidade de Ouro”

As praias fluviais da Aldeia Ruiva, da Fróia e do Malhadal são Praias com Qualidade de Ouro 2022, de acordo com o comunicado que a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza divulgou esta terça-feira, 31 de maio.

Enquanto Fróia e Malhadal renovam o galardão, Aldeia Ruiva recupera a distinção depois de ter estado encerrada ao público devido às obras de beneficiação que recebeu.

“Sabemos que as nossas praias fluviais continuam a ser um dos principais atrativos turísticos do concelho e, por isso, temos realizado importantes investimentos nestes locais, sempre com o objetivo de criar renovados motivos de interesse para a permanência no território. Ainda que o Município e as entidades competentes realizem o controlo periódico à água das praias, esta distinção reforça a confiança dos veraneantes na sua utilização”

refere João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova

Este ano a praia fluvial da Aldeia Ruiva tem como novidade a piscina biológica na margem direita da Ribeira da Isna. Espaço que segundo a autarquia “é uma forma de sensibilizar os utilizadores quanto à necessidade de preservar ecossistemas e a sua biodiversidade”. No Malhadal o parque aquático do Fluvifun, o conjunto de insufláveis, estará disponível a partir de 26 de junho.

Recorde-se que durante a época balnear, de 18 de junho a 11 de setembro, estão ainda disponíveis as zonas balneares de Alvito da Beira e Cerejeira e as piscinas públicas de São Pedro do Esteval e Pedra do Altar.

A nível nacional, a Quercus distinguiu 440 zonas balneares em 118 municípios, entre território continental e insular, das quais 359 são costeiras, 72 interiores e 9 de transição.

Para si... Sugerimos também...

1 Comentário

  • Nasci nas Sesmarias da Várzea dos Cavaleiros, conheço bem essas praias, muito boas em virtude de ser agua corrente. Estou viajando dia 09 de junho, para Lisboa, mas sempre visito esse lugar maravilho e certamente almoçar com o saboroso peixe ou inguias. Resido permanente no Brasil, mas visito a nossa terra duas vezes ano. Abraços a todos os os amigo da Sertã e de Proença.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter