«Os fatos espaciais»

«Os fatos espaciais»
Ivone Fachada, Diretora Executiva do Centro Ciência Viva de Bragança

Sabia que os fatos espaciais dos astronautas são, na realidade, pequenas naves individuais?

O que para a maioria das pessoas é considerada uma indumentária sofisticada para utilizar no espaço, pelos cientistas é designada de “Unidade Extraveicular de Mobilidade”. Ouviu bem, um fato espacial totalmente equipado é uma unidade concebida para permitir a mobilidade dos astronautas em operações de alto risco, seja na realização de experiências no exterior das estações espaciais, seja na reparação de telescópios, como o Hubble. Tem como missão fundamental proteger os astronautas, fornecendo-lhes os meios de sobrevivência necessários à concretização eficaz do seu trabalho garantindo algum conforto.

E que meios de sobrevivência são esses, pergunta o ouvinte? Em primeiro lugar, os fatos fornecem o oxigénio necessário à respiração e a água para os manter hidratados. Protegem os astronautas contra as temperaturas extremas, que podem atingir os 120 graus negativos ou, na presença de raios solares, mais de 120 graus positivos. Possuem também uma viseira particular que atenua o brilho acentuado da luz solar. Protegem-nos ainda dos efeitos da radiação e dos eventuais impactos de poeiras espaciais que viajam a grandes velocidades e que podem colidir com eles, pondo em risco os cosmonautas.

Então, qual é o material utilizado no fabrico dos fatos, para que o homem possa sobreviver e trabalhar em condições tão hostis? Existem vários materiais, dos quais destacamos o nylon simples, o nylon revestido com neopreno e uretano, que são polímeros elásticos ultra resistentes e isolantes, o Mylar aluminado, um poliéster especial com propriedades de reflexão da luz e o Dracon, outro poliéster muito utilizado no fabrico de fibras sintéticas com grande resistência à tração. O aço inoxidável também faz parte dos constituintes metálicos que permitem a junção de todos os componentes. E que outros componentes são esses que se vão interligar ao fato de revestimento reforçado, para o tornar totalmente funcional? Há vários, entre eles os depósitos de combustível, as luvas de protecção, os controladores manuais, os foguetes de manobras e outros tantos engenhos que garantem a segurança dos astronautas e facilitam o seu trabalho. Como curiosidade, sabia que os fatos dos astronautas pesam cerca de 128 quilos e no espaço, devido à gravidade diminuta, eles pesam praticamente zero? Se quiser obter mais informações sobre este e outros temas espaciais poderá consultar o site da Nasa.

Ivone Fachada: Diretora Executiva do Centro Ciência Viva de Bragança. Frequenta o doutoramento da Universidade de Salamanca “Formacíon en la sociedade del conocimiento”. Pós-graduação em História da Ciência e Educação em Ciências pela Universidade de Aveiro e Universidade de Coimbra (frequência de um doutoramento interdisciplinar). Mestre em Gestão e Conservação da Natureza pela Universidade dos Açores. Licenciada em Engenharia Florestal pelo Instituto Politécnico de Bragança. Membro da ScicomPt – National Science Communicators Network, fazendo parte da Direcção desta Associação entre outubro de 2017 e maio de 2020. Formadora de professores, credenciada pelo Conselho Científico e Pedagógico de Educação Continuada nos domínios: “A64- Ciências Ambientais” e “D08 – Educação Ambiental”. Autor ou co-autor de mais de trinta artigos em jornais, conferências e capítulos de livros.

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter