Oleiros: Bombeiros realizam simulacro na escola

 Oleiros: Bombeiros realizam simulacro na escola

Bombeiros de Oleiros testaram resposta dos alunos do Agrupamento de Escolas Padre António de Andrade (AEPAA) com simulacro de incêndio.

Em nota enviada à comunicação social, o comandante dos Bombeiros Voluntários de Oleiros, Luís Antunes, mostrou-se agradado com “a capacidade de resposta” demonstrada pela comunidade do Agrupamento no decorrer de um simulacro de incêndio realizado naquela escola de Oleiros.

Pouco passava das 9h30 da manhã deste dia 3 de maio, quando a sirene do AEPAA foi acionada. Era o alerta para um foco de incêndio na sala da biblioteca. No recinto escolar entraram os veículos de Socorro e de Emergência, entre os quais ambulâncias e veículos de combate a incêndios.

refere a autarquia de Oleiros em nota enviada

Todas as pessoas (alunos, professores e funcionários) saíram do edifício em direção ao “ponto de encontro” devidamente assinalado para este tipo de situações de emergência. O exercício prosseguiu com os bombeiros a retirarem cinco alunos por via de cordas em descida controlada. Dentro do cenário previamente delineado, uma sexta vítima simulou um salto da janela para o patamar que une os pavilhões escolares. Estava deitada e “ferida”. Os bombeiros foram ao seu auxílio, procederam a manobras de resgate e socorro. O estudante foi depois transportado ao Centro de Saúde de Oleiros onde já estava uma equipa médica e de enfermagem preparada para o receber.

Tudo não passou de uma simulação de incêndio organizada pela corporação dos Bombeiros Voluntários de Oleiros, em colaboração com a direção do AEPAA, GNR, Serviço Municipal de Proteção Civil e Centro de Saúde, para testar os procedimentos a tomar perante uma situação de emergência.

O comandante Luís Antunes, em jeito de balanço, destacou “o comportamento ordeiro dos estudantes muito importante em benefício da sua segurança”. Numas breves palavras dirigidas à comunidade escolar, Luís Antunes, realçou “a importância da realização de simulacros por forma a testar e aprender procedimentos perante uma situação de emergência”.

A mesma opinião foi manifestada pela subdiretora do AEPAA, Cristina Santos. “Foi um exercício que decorreu com toda a seriedade e profissionalismo”, referiu, agradecendo de seguida a iniciativa da corporação dos Bombeiros.

A operação foi seguida pelo Vice-presidente da Câmara Municipal de Oleiros, Miguel Marques, bem como do comandante de Posto Territorial da GNR de Oleiros, José Freitas.

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter