Hotel das Amoras encerrado na passagem de ano

Hotel das Amoras encerrado na passagem de ano

Os cancelamentos começaram a ser feitos no início de dezembro e intensificaram-se com o anúncio das medidas de contenção

Quem tinha pré-reservas realizadas não chegou a confirmar“, garante Fernando Almeida, proprietário do Amoras Country House Hotel, conhecido por Hotel das Amoras. O único estabelecimento hoteleiro do conselho de Proença-a-Nova fechou portas devido à falta de hospedes. O anúncio das novas medidas de contenção pelo governo coincidiu com o aumento das desistências.

Os hóspedes do Hotel das Amoras vêm de norte a sul do país, principalmente das áreas metropolitanas de Lisboa e Porto. “Vivemos de pessoas que são de fora da região“, disse Fernando Almeida, em declarações ao Jornal de Proença. “Não podemos ter o hotel à espera de quem não chega“, lamentou. A decisão do proprietário foi o encerramento do estabelecimento, que já tinha “tudo comprado para fazer o final do ano, mas entendeu “não haver condições“.

Desde o início de dezembro que os cancelamentos vão sendo feitos e aumentaram “à medida que as notícias nos jornais e televisão iam sendo cada vez mais alarmistas“. “Quem tinha pré-reserva não chegou a confirmar“, afirmou Fernando Almeida.

Há dois anos que temos prejuízos“, referiu o proprietário do Hotel das Amoras. Antes da pandemia “todos os anos tínhamos o hotel cheio“. Mesmo até esta quinta-feira, a ocupação era de “quase 100%” devido à presença da Federação Portuguesa de Futebol, garantiu.

O programa de “Fim de ano 2021” publicado no site do hotel foi cancelado. Algumas atividades previstas para o último dia do ano incluíam um cocktail e fogo de artifício e, no dia 1 de janeiro, provas de queijo, azeite e medronho artesanal. “Uma coisa é fazermos uma festa em casa com amigos” em que o mais importante não é o que se bebe ou come, mas num estabelecimento hoteleiro há gastos elevados, as “coisas têm de estar impecáveis, preparadas e organizadas a devido tempo”, concluiu Fernando Almeida.

*Diana Cardoso

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter