Sertã: Município cedeu equipamentos a mais de 100 alunos

Sertã: Município cedeu equipamentos a mais de 100 alunos

O Município da Sertã voltou a disponibilizar diversos tipos de apoios aos alunos do Concelho, nomeadamente no que diz respeito a equipamentos, internet, refeições e transporte. De acordo com os dados avançados pela autarquia mais de 100 alunos foram comtemplados com a cedência de equipamentos.

No que diz respeito aos equipamentos, o Município da Sertã registou um número elevado de pedidos, comparativamente ao primeiro confinamento, tendo respondido a todos, de acordo com vários critérios definidos pelo Município e pelas escolas.

refere a autarquia em nota enviada à comunicação social

 Segundo a Câmara foram comtemplados os alunos que “tinham solicitado no primeiro confinamento, alunos com escalão A ou B e a não atribuição de mais do que um computador (se não se justificasse) ou acesso à internet para alunos do mesmo agregado familiar.”

O acesso à internet é feito através de router e, para o efeito, o Município da Sertã “adquiriu à ALTICE cartões de banda larga com tarifário no âmbito do BLM COVID, por um período de fidelização de três meses com tráfego de 75G/mês”. Este acesso “foi todo garantido pelo Município da Sertã dado que as escolas não possuem qualquer dispositivo que pudessem disponibilizar aos seus alunos para as aulas à distância”, garante ainda a autarquia.

Os equipamentos foram cedidos a mais de cem alunos das escolas do concelho da seguinte forma: Agrupamento de Escolas – 33 computadores, 38 tablets e 30 routers (com cartão de dados móveis); Instituto Vaz Serra – quatro computadores e cinco routers (com cartão de dados móveis); Escola Tecnológica e Profissional da Sertã – quatro routers (com cartão de dados móveis).

revela a autarquia

Na distribuição de computadores e tablets foram integrados alguns equipamentos informáticos existentes nas escolas, tendo o Município da Sertã disponibilizado no total 78 computadores e tablets e 39 routers (com dados móveis).

Na mesma nota o Município recorda que “tinha já disponibilizado equipamentos, durante as aulas presenciais, a alunos que se encontravam em isolamento profilático ou quarentena, para que pudessem assistir às aulas, ter apoio face às aulas a que estavam a faltar e pudessem realizar e enviar os trabalhos efetuados por e-mail ou plataforma indicada pela respetiva escola”

José Farinha Nunes, Presidente da Câmara Municipal da Sertã, destacou “o esforço e rapidez com que o Município da Sertã respondeu a este desafio, substituindo-se ao Ministério da Educação, tendo sido possível garantir que os alunos tenham acesso aos equipamentos necessários para acederem a um tipo de ensino que, não sendo o ideal, é o possível neste tempo de pandemia”.

O autarca considera que este tipo de apoio “é decisivo e faz toda a diferença, auxiliando nas aprendizagens dos alunos e minimizando as desigualdades no acesso a estas mesmas aprendizagens.”

No que diz respeito às refeições escolares, o Município da Sertã e o Agrupamento de Escolas estão a garantir as refeições aos alunos de escalão A e B em regime de take away (desde a educação pré-escolar ao ensino secundário/profissional). O Instituto Vaz Serra também se encontra a disponibilizar refeições escolares para os seus alunos com escalão A e B e a receber alunos para apoio educativo.

Relativamente à escola de acolhimento, desde a interrupção letiva, a Câmara informa que “estão a frequentar 67 crianças / alunos até aos 12 anos, cumprindo o definido pelo despacho do estado de emergência”.

Ainda dentro dos apoios o Município da Sertã “continua a assegurar o transporte dos alunos indicados no âmbito das necessidades especiais ou situações sociais para a escola de acolhimento.”

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter