Sertã: CPCJ acompanhou 78 processos em 2022

 Sertã: CPCJ acompanhou 78 processos em 2022

No ano de 2022, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens da Sertã (CPCJ) acompanhou um total de 78 processos de promoção e proteção de crianças e jovens residentes no concelho da Sertã.

Em nota enviada, a referida comissão refere que “atendendo a que no ano de 2021 tinha-se registado um volume processual de 85 processos, constata-se assim uma ligeira diminuição do número de casos e processos. No final do ano, a 31 de dezembro de 2022, encontravam-se 26 processos ativos”.

Dos 78 processos de promoção e proteção a correr termos nesta CPCJ da Sertã, a “violência doméstica” é a problemática mais sinalizada com 35 processos (45%), seguindo-se a “negligência” em segundo lugar com 10 processos (13%). Neste ano a problemático “comportamento do jovem” foi de cerca de 10%.

lê-se na nota enviada

Segundo a comissão, depois de sinalizados pelas diversas formas, foi deliberado “aplicar medidas de promoção e proteção, tendo sido aplicadas as medidas previstas no artigo 35º da Lei nº 147/99, de 01 de setembro, na sua redação atual – Lei de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo (LPCJP)”. Dessas medidas destacam-se o apoio junto dos pais e o acolhimento residencial. Houve ainda como medida aplicada o apoio junto a outro familiar.

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter