Proença-a-Nova: Orçamento Municipal de 15.646.000,00€ para 2021 aprovado

 Proença-a-Nova: Orçamento Municipal de 15.646.000,00€ para 2021 aprovado

A Assembleia Municipal de Proença-a-Nova, realizada no passado dia 18 de Dezembro, aprovou por maioria, o orçamento municipal de Proença-a-Nova, para 2021.

Com um valor superior a 15 milhões e meio de euros (15.646.000,00€) o orçamento do próximo ano tem como obras de destaque “a segunda fase de expansão do Parque Empresarial de Proença-a-Nova e a reconversão da antiga Serração Daniel Lourenço em Parque de Acolhimento Empresarial de Vale Porco”. O orçamento inclui ainda os projetos “que estão a decorrer no âmbito do Programa Valorizar, com intervenções na Praia Fluvial da Aldeia Ruiva e na Serra das Talhadas, e contempla a candidatura “Bike to Work – Mobilidade Sustentável na Beira Baixa”, apresentada pela CIMBB, e que a ser aprovada vai permitir a requalificação da EN 241 – Travessia Poente de Proença-a-Nova e da beneficiação da intersecção da 1.ª Variante na Corujeira, entre a 1.º Circular norte e a variante sul de Proença-a-Nova (fase poente), com introdução de ligação pedonal e ciclável, e o acesso à Zona Industrial” , refere a autarquia.

“Estas são obras que vão ser concluídas ou iniciadas no próximo ano e que correspondem a áreas estratégias na nossa atividade: a atratividade empresarial com a criação de condições para a fixação de novas empresas, a atratividade turística com a valorização de ativos tão importantes como as praias fluviais e o turismo de natureza, e a qualidade de vida de quem aqui reside”

afirma João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova

Ainda dentro deste orçamento, a ação social, educação, florestas, turismo e habitação são outras das áreas em destaque num ano que continuará a ser marcado pela questão de saúde pública.

“No planeamento para 2021 vamos ter em consideração o contexto social e empresarial em tempo de pandemia, prevendo desde já novas medidas de apoio às empresas e às famílias para que possam fazer face a desafios sem precedentes com que todos teremos que lidar durante e após a crise de saúde pública”

refere o autarca

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter