Malhadal: Bolinhos, Santinhos

Malhadal: Bolinhos, Santinhos

A tradição do “Bolinhos, Santinhos” que as crianças realizam no dia de Todos os Santos, a 1 de novembro, ainda vai tendo expressão nalgumas aldeias do Concelho de Proença-a-Nova, como é o caso do Malhadal.

14 é o número de elementos que constituía o grupo no Malhadal: crianças, adolescentes e jovens.

Na aldeia e na casa das pessoas, sente-se a preocupação, nos dias anteriores, de ter alguma coisa para dar às crianças que pedem. Se antigamente, havia vários grupos de menor dimensão, nos nossos dias, juntam-se todos e a alegria de dar e receber é maior.

Este ano, também fizeram, em simultâneo, o peditório para a liga portuguesa contra o cancro. O ensinamento é bom: ensinar a pedir para as pessoas que vivem situações complicadas, como o cancro, é uma forma de estimular à caridade e à solidariedade desde a tenra idade. Saber pedir para nós é bom, mas saber pedir para outras pessoas necessitadas traz uma alegria maior.

O Jornal de Proença felicita todos os que contribuíram para que esta tradição acontecesse mais uma vez lembrando que o caminho da santidade também passa pela partilha e pela alegria de dar e receber.

Para si... Sugerimos também...

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a nossa newsletter